Arenápolis News - arenapolisnews.com.br
Política
Quinta - 28 de Julho de 2016 às 09:34
Por: Karol Garcia/Da Assessoria

    Imprimir


Defensor da flexibilização da lei trabalhista, o senador republicano Cidinho Santos recebeu a confirmação por parte do presidente Michel Temer de que será enviada ao Congresso a proposta de reforma trabalhista.

A informação foi repassada ao senador, ao lado do ministro do Trabalho e Emprego e o ministro da Casa Civil, Ronaldo Nogueira e Eliseu Padilha, respectivamente, durante reunião com representantes da agroindústria no Palácio do Planalto, na última semana.

“O presidente deixou claro que essa é uma prioridade do seu governo, tanto que foi criado um grupo de trabalho que se dedica a fazer as adequações na lei. Hoje os empresários são penalizados pela insegurança da lei trabalhista, são surpreendidos por ações trabalhistas geradas por causa de brechas que foram criadas por causa de penduricalhos colocados na lei”, afirmou o senador Cidinho, após o encontro com o presidente.

Segundo o ministro Ronaldo Nogueira, a intenção é simplificar e flexibilizar a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), com foco em acordos coletivos, para aumentar a produtividade da economia e reduzir os custos dos empresários, sem interferir nos direitos assegurados aos trabalhadores pela Constituição.

“Com a rigidez das regras atuais, e a intransigência dos sindicatos todos perdem, porque só dificulta a relação entre empregadores e trabalhadores. Acredito que o governo está buscando o equilíbrio com essa proposta e, com certeza, todos sairão ganhando”, avaliou o senador.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://arenapolisnews.com.br/noticia/105519/visualizar/